Electronic Data Interchange - EDI

Mensagens-chave na EDI Automotive para garantir a eficiência na cadeia de suprimentos: DELFOR, DELJIT, DESADV

edi Automotive

No setor automotivo, a importância das comunicações entre seus parceiros é caracterizada pela heterogeneidade e rapidez ao longo da cadeia de suprimentos. As cadeias de suprimento e produção são complexas e podem ser muito fragmentadas. É um setor em que trabalhamos com base em uma produção planejada, onde todos os atores devem ser coordenados.

Portanto, os fabricantes e seus fornecedores precisam de aliados tecnológicos que lhes permitam cumprir com a metodologia Just in Time e evitar erros de comunicação que possam impactar nos processos subsequentes da cadeia e, em última instância, no consumidor final.

O EDI tem sido posicionado há anos como uma das tecnologias mais implementadas no setor para controlar o planejamento da produção, logística e transporte, etc. Graças às comunicações eletrônicas, uma empresa do setor automotivo pode garantir que seus processos sejam executados nas condições certas e no momento certo.

As montadoras, grandes promotoras desse tipo de troca de documentos, expandiram seu uso não apenas para o Nível I, mas também para o Nível II e Nível III, com o objetivo de que todos os interlocutores possam trabalhar com informações, tornando os processos mais eficientes.

Qual é o fluxo usual de EDI no setor automotivo?

Existem mensagens básicas que são trocadas com mais frequência no setor automotivo.

A primeira é aquele que responde a um pedido: Previsão de entrega ou DELFOR. Pode ser usado para Pedidos fechados e abertos ou com planejamento pendente. É uma mensagem estruturada que é enviada dos fabricantes OEM (Original Equipment Manufacturer) para os fornecedores de Nível I e estes, por sua vez, para o Nível II. No formato X12 responde à identificação da mensagem 830 e no formato ODETTE ao DELFOR.

Relacionado ao DELFOR, existe a mensagem DELJIT (Entrega just in time) ou X12 862. Esta mensagem enviada por um fabricante que faz um pedido, provê ao fornecedor informações precisas sobre a sequência de entrega e os requisitos Just in Time que complementam a mensagem DELFOR. Fornece detalhes sobre os requisitos de OEM em relação ao planejamento de remessas em curtos períodos de tempo, geralmente 24 horas.

Após o pedido, o aviso de expedição (DESADV ou 856 ASN) é usado. A mensagem de aviso de expedição do EDI serve para verificar se a mercadoria recebida pelo cliente corresponde ao pedido. Algumas informações adicionais sobre o envio. Falamos sobre os detalhes do pedido, a descrição do produto, suas características, o tipo de embalagem, as marcas, as informações do operador e a configuração das mercadorias dentro do equipamento de transporte.

Ele é enviado dos fornecedores para as montadoras, com o objetivo de melhorar o processo de gerenciamento de entrega dos produtos. As montadoras podem otimizar o controle de estoque e o processo de entrada de pedidos. Isso se deve a uma rastreabilidade total durante o processo, que permite saber quando a mercadoria será enviada, quando ela chegará e todos os detalhes dela.

Finalmente, a fatura será o documento que fecha um processo de compra. Na linguagem X12, é a mensagem 810 e nos padrões EDIFACT e ODETTE são chamados de INVOIC. Também é enviado pelos fornecedores para os fabricantes que solicitaram o produto. Em alguns casos, os fabricantes ou fornecedores de primeira linha decidem implementar o auto faturamento, que nada mais é do que uma mensagem de fatura enviada a seus fornecedores.

Como automatizar o fluxo de mensagens para otimizar a cadeia de suprimentos na indústria automotiva?

El volumen de interlocutores y mensajes a intercambiar en la cadena de abastecimiento y la gestión de éstos precisa de soluciones integradas y automatizadas que permitan a los fabricantes y proveedores dedicar tiempo y recursos personales a las funciones más relevantes. Con una solución integrada de intercambio electrónico de datos, las empresas recibirán de forma automática los documentos comerciales en sus ERPs y podrán gestionarlos de forma inmediata.

El sector automoción trabaja vía EDI con sus propios formatos estructurados en los estándares definidos por el sector (EDIFACT, X12, ODETTE, …) y protocolos de comunicación como por ejemplo OFTP2, preparados para intercambiar informaciones comerciales confidenciales y archivos pesados, como los ficheros CAD. Las empresas de la industria automotriz operan globalmente y precisan de soluciones para el intercambio de datos con sus partners a nivel global respetando las características de cada región. El uso de estándares a nivel mundial facilita el intercambio de la información, y agiliza los procesos productivos en las empresas.

EDICOM pone a disposición de cualquier empresa del sector automoción una plataforma EDI Global, capaz de enviar y recibir mensajes con cualquier partner en todo el mundo. Tras la extracción de la información del ERP, la plataforma EDICOM la transforma de manera automática al formato requerido por el ERP de destino y la envía a través de canales de comunicación seguros.

EDICOMNet es la red de valor añadido de EDICOM, un servicio integral para la transmisión de datos críticos en entornos B2B. Se trata de una red multi-estandar, capaz enrutar todo tipo de mensajes (EDIFACT, X12, XML, FACTURAE, etc.), y multi-protocolo, permitiendo el acceso a ella por Webservices, https, FTP, x400, OFTP2, AS2/AS4​​​​​​​, etc.

Saiba mais sobre os possíveis benefícios para a sua empresa.

Entre em contato com um representante da EDICOM

Pode também estar interessado em ler sobre...

Como automatizar as faturas de fornecedores

Descubra como reduzir drasticamente o tempo e os custos com o gerenciamento das faturas de fornecedores.

CSC – Inovações e mudanças tecnológicas para atender as necessidades de empresas globais

Um Centro de Serviços Compartilhados poderá utilizar uma plataforma EDI para se comunicar com os diferentes departamentos

Novas mensagens EDI para se ter em conta na Supply Chain

Otimize sua supply chain através das mensagens EDI definidas na Bussines Requeriments Specification (BRS).