A rede PEPPOL na Europa

A rede PEPPOL para estabelecer conexão com os órgãos públicos europeus. A EDICOM é um Access Point certificado para operar por meio da rede PEPPOL em toda a Europa.

Consolidação da contratação pública eletrônica transfronteiriça com a rede PEPPOL

As compras do Setor Público na União Europeia representam anualmente uma quantia de cerca de 2 mil milhões de euros. Calcula-se que os mais de 250.000 órgãos que integram a UE gastam cerca de 14% do PIB na aquisição de serviços, obras e abastecimentos. Para gerir esse complexo sistema de contratações com transparência e eficácia, a União Europeia lançou a Diretiva 2014/55/UE de e-Procurement, que exige que todos os órgãos públicos dos diferentes países estejam preparados para utilizar um padrão eletrônico comum para a recepção da fatura eletrônica.

É nesse contexto que nasce e se desenvolve o PEPPOL, um dos padrões para o intercâmbio de documentos eletrônicos que fomenta a interoperabilidade entre os seus intervenientes, a saber: AAPPs, fornecedores das AAPPs e prestadores de serviços de comunicação de dados, no espaço europeu.

EDICOM acreditada como PEPPOL Access Point

Em 2015, a associação OpenPEPPOL certificou a EDICOM como Access Point. Além disso, a EDICOM foi certificada como SMP para a implementação do seu serviço de publicação de metadados. 

O EDICOM Access Point permite que as administrações e as entidades públicas europeias participantes possam interagir com a sua comunidade de interlocutores e de fornecedores usando soluções integradas que automatizem o intercâmbio de todos os tipos de documentos eletrônicos.

EDICOM PEPPOL Access Point

Por que o EDICOM PEPPOL Access Point?

O PEPPOL Access Point da EDICOM simplifica a conectividade com a rede PEPPOL, permitindo um acesso transparente e direto aos Access Points restantes da rede. A EDICOM oferece um nó de acesso à infraestrutura de “Pan European Public Procurement Online (PEPPOL) baseado em:

Infraestrutura

Infraestrutura própria

A EDICOM não deixa nenhum dos seus processos em mãos de terceiros. Desenvolvemos as nossas soluções completamente na nossa infraestrutura proprietária, assegurando tempos de resposta e adaptação imediatos para qualquer evolução.

 

Segurança

Segurança

A EDICOM gere a segurança das informações em conformidade com as exigentes normas de qualidade como a ISO27001. Conta com outras acreditações, como ISAE3402, e é prestador de serviços de confiança eIDAS.

Automatização

Automatização

A nossa solução integra-se na sua gestão interna, automatizando o envio e a recepção de todas as suas transações PEPPOL a partir do seu próprio ERP.

compliance

Compliance

A plataforma adapta-se aos requisitos definidos nas diferentes especificações técnicas e normativas definidas no âmbito europeu.

Centralização

Centralização

Os usuários da EDICOM podem centralizar todas as suas comunicações eletrônicas no PEPPOL. Uma empresa italiana, por exemplo, pode participar em uma licitação eletrônica na Espanha, França ou em qualquer outro país a partir de uma única solução.

Melhoria permanente

Melhoria permanente

Garantimos a permanente adaptação das soluções para operar em conformidade com os últimos desenvolvimentos em qualquer país envolvido no projeto PEPPOL.

Objetivos do PEPPOL

A utilização de um padrão comum e interoperável com PEPPOL é essencial para conseguir um modelo de contratação público transfronteiriço. Por meio da plataforma PEPPOL, empresas e governos podem intercambiar faturas, ordens de compra, avisos de expedição, catálogos de preços etc.

 

  • Melhoria da interoperabilidade na contratação eletrônica no setor público e promoção da transparência nas relações entre empresas privadas, governo e entidades públicas.

  • Automatização dos processos de negócio no setor público e privado, similarmente.

  • Fomento da competitividade das empresas, especialmente as PME, em contexto global e transnacional.

  • Desenvolvimento de um mercado digital único.

Progresso do e-Procurement na Europa

Conheça a situação das iniciativas para modernizar os sistemas de contratação pública que estão se desenvolvendo na Europa e que têm como base a plataforma PEPPOL. Os objetivos da OpenPEPPOL estão conectados aos da Agenda Digital para a Europa 2020, que procura lançar as bases para um ecossistema empresarial mais sustentável e globalmente competitivo.

Benefícios do PEPPOL Network

Redução de custos

Redução de custos

O PEPPOL é um padrão admitido em uma grande quantidade de âmbitos da contratação pública em fase de expansão e adoção pelo conjunto das administrações públicas europeias. Com uma única solução acreditada é possível gerir as relações com várias administrações do conjunto de países do espaço europeu.

Interoperabilidade

Interoperabilidade

A interconexão entre os diferentes Access Points da rede está garantida. Com a utilização de padrões reconhecidos no bloco da União Europeia, essa interconexão converte essa plataforma em uma garantia de acesso a qualquer interlocutor envolvido em processos de contratação pública usando o PEPPOL.

Automatiza os processos de gestão

Automatiza os processos de gestão

O PEPPOL e EDI são uma porta aberta para a automatização. Os departamentos de vendas e administração reduzem a sua carga de trabalho e podem focar os seus esforços em tarefas que forneçam maior valor e eficiência.

Aumenta a competitividade

Aumenta a competitividade

As empresas podem intercambiar dados automaticamente com interlocutores de diversos países. Após as empresas darem este salto tecnológico, elas continuam desenvolvendo sua estratégia de digitalização.

Como o PEPPOL funciona?

O PEPPOL envolve um conjunto de especificações concebidas para facilitar a contratação pública entre empresas e administrações, independentemente de onde estão localizadas ou dos sistemas que utilizam. A mensagem padrão adotada pela rede PEPPOL denomina-se PEPPOL-UBL, (Universal Business Language), e baseia-se na taxinomia XML. A infraestrutura PEPPOL compreende:

 

Países com iniciativas de e-Procurement baseadas em PEPPOL

Desde sua criação, em 2008, o uso do PEPPOL foi se expandindo por toda a Europa. Além das iniciativas da Comissão para obter a interoperabilidade transfronteiriça, como a Diretiva 2014/55/UE, muitos países impulsionaram as comunicações eletrônicas com esse padrão no âmbito nacional.

 

PEPPOL no setor de saúde pública italiana

A região Emilia-Romagna é a primeira em Itália a adotar o PEPPOL para a contratação pública. Desde janeiro de 2016, as autoridades regionais podem enviar e receber faturas eletrônicas.

A rede PEPPOL na fatura eletrônica na Irlanda

As faturas eletrônicas no Setor Público na Irlanda devem ser enviadas e recebidas por meio da rede PEPPOL, usando um PEPPOL Access Point, dado que não é necessário utilizar nenhuma plataforma central nacionalmente.

Padrão PEPPOL no setor público na Suécia

Em novembro de 2014, uma iniciativa no Setor Público sueco para promover a contratação pública sugeriu utilizar o PEPPOL para este fim. A vasta maioria das instituições públicas suecas já estão conectadas à rede, uma obrigatoriedade desde 2018.

PEPPOL no SNS (NHS) do Reino Unido

O Reino Unido está implementando a estratégia de e-Procurement do seu Serviço Nacional de Saúde para o intercâmbio eletrônico de pedidos, faturas e avisos de expedição. Para isso, é obrigatório que o intercâmbio desses documentos entre o Serviço de Saúde britânico e os seus fornecedores se efetue de forma padronizada por meio de Access Points conectados à rede PEPPOL, como a EDICOM.

O PEPPOL no comércio transfronteiriço na Noruega

Desde 1 de julho de 2012, as entidades governamentais centrais do país recebem eletronicamente as faturas dos seus fornecedores utilizando um formato próprio que segue as especificações PEPPOL. Esse formato denomina-se EHF, uma implementação nacional que segue as PEPPOL-BIS.

O PEPPOL no comércio transfronteiriço na Dinamarca

Sua plataforma nacional de fatura eletrônica está conectada ao PEPPOL para que os fornecedores estrangeiros possam intercambiar documentos com as instituições públicas dinamarquesas seguindo esses padrões.

Notícias atuais

Faturamento eletrônico na Tanzânia

Informações importantes sobre o novo sistema de faturamento eletrônico VFD implementado pela TRA da Tanzânia.

Saiba como funciona a fatura eletrônica no Paraguai

Conheça o funcionamento do Sistema Integrado de Facturación Electrónica Nacional (SIFEN) do Paraguai.

A implementação do GOVEIN19 está sendo exitosa em toda a Europa

A EDICOM implementa com êxito o projeto GOVEIN19 para o desenvolvimento da faturação eletrônica em hospitais europeus.

Envie-nos os seus dados de contatos e retornaremos em breve

Entre em contato com um de nossos especialistas e tire as suas dúvidas em relação às nossas soluções.

Escreva-nos

Apenas são admitidos domínios corporativos

Informamos que os dados pessoais coletados por meio deste formulário poderão ser utilizados para contato por qualquer uma das empresas do Grupo EDICOM. Da mesma forma, você pode exercer os direitos de acesso, retificação, eliminação, oposição, limitação e portabilidade de seus dados, conforme as disposições da política de privacidade.